O piano.

Estamos pertinho do dia das mães e eu não poderia deixar de fazer uma menção a isso, obviamente. Decidi então fazer uma edição especial do Café Cultura para vocês! Espero que gostem.

cafe-cultura

O filme escolhido foi O Piano. Quando eu era criança e ainda morava em Porto Alegre com a minha mãe, nós tínhamos a assinatura do jornal Zero Hora que sempre fazia promoções legais, a mais legal era a que eles mandavam um filme novo em VHS todo domingo.

O Piano foi um desses filmes, lembro que eu e minha mãe assistimos ele várias vezes, uma porquê ele aborda música clássica e relacionamento mãe-filha-novo marido.

Preciso dizer que é um filme bem mórbido e super pesado para uma criança assistir, minha mãe sempre tapava meus olhos em partes que eram muito fortes para eu não ficar impressionada. E apesar de ser um filme triste e realmente muito forte, eu tenho uma lembrança muito doce de passar esses momentos com a minha mãe, aproveitando e curtindo um dos filmes que ela adorava. Assim como ela assistiu a milhares de desenhos só pela minha companhia e porque eu realmente gostava.

O filme retrata a história de uma mulher muda que tem uma filha e se muda para outra cidade com seu piano (e filha) para um casamento arranjado. A trama se discorre toda em dramas e ciumes do novo marido com a habilidade da mulher com o piano entre outros motivos. Retrata o extremismo do ciume e possessão que o outro acredita ter sobre ela.

E uma das coisas que mais me encanta é que recentemente descobri que o filme foi produzido e dirigido por uma mulher (em 1993!), e pasmem, ela é uma das únicas a ganhar uma Palma de Ouro no festival de Cannes. – Atualmente só existem 3 mulheres no mundo que tem esse prêmio.

Recomendo fortemente pela temática intensa, mas também pelo vínculo que o filme me trouxe com a minha mãe. Acredito que todos nós temos filmes que nos conectam com nossas mães em algum nível. Quero saber qual ou quais são os filmes que vocês tem essa ligação, me contem nos comentários, quero assistir também!

Aproveito para mandar um super beijo pra minha mãe maravilhosa, que é a mulher mais incrível e forte que eu conheço e que provavelmente eu não seria nada sem ela. Te amo mãezinha! ❤ 

Feliz dia das mães e bom final de semana amados! 

piano

Programadas para amar.

Existe uma frase que diz que “Deus não podia estar em todas as partes ao mesmo tempo, por isso criou as mães”.

Gosto sempre de pensar que elas foram programadas para amar. Criadas por Deus, para atender a todos, e com aquele toque de quem já nasceu pronta para isso. Trazendo amor e ternura no olhar.

É incrível o quanto todas as mães conseguem ter as mesmas qualidades, parece que fizeram o mesmo curso preparatório. Com quase todos os discursos parecidos, e dizendo sempre as mesmas coisas. E sempre nos pegamos dizendo: ai a minha mãe também sempre diz isso. SOBRE QUALQUER COISA. (Leva um casaquinho, vai esfriar…)

Só que podemos ter a certeza de que geraram e cultivaram um amor as cegas por nove meses, e dedicaram e até abdicaram de suas vidas apenas para poder gerar a nossa. Abriram mão de seus sonhos, deixaram suas carreiras para mais tarde para poder acompanhar nossos primeiros passos, ou quem sabe nosso primeiro corte de cabelo. Ou perderam tudo isso por não poder abrir mão do trabalho para nos sustentar.

As mães foram programadas para amar. Aí é que está a semelhança entre elas, onde todas parecem ter saído da mesma faculdade. Quando viram mães o botãozinho é ativado e o amor maior reina.

Elas se dedicam, se esforçam, investem todo o amor delas diariamente em nossas vidas, sem esperar nada em troca. Apenas o nosso amor. E acho que não existe nada mais puro e mais lindo do que o amor que temos com elas, né?

maeefilha

Afinal de contas, elas são a nossa primeira conexão com esse mundo. Passamos NOVE MESES dependendo unicamente DELAS. Depois que nascemos, a gente só pensa NELAS ainda. Nossas mães são a nossa primeira grande ligação e nosso primeiro e verdadeiro amor. Que foram sem dúvidas, escolhidas a dedo para estar  conosco.

Que nós saibamos dar valor pra nossas mães enquanto elas ainda estão conosco. Independente de briguinhas e desavenças. Que a gente lembre de agradecer por cada amorzinho que ela deu e por cada febre que ela baixou, cada mamá de madrugada e cada reunião que perdeu pra ir ver apresentação na escola. Ela abriu mão da vida dela pela tua. Lembra disso cada vez que brigar com ela. Aproveita cada minutinho com ela, e fica juntinho desse amor tão lindo e gostoso que só tua mãe pode te dar.

Ela te deu a vida. Tu é o bem mais precioso da vida dela, e ela deveria ser da tua também.

Um feliz dia das mães pras nossas mamães, que são jóias lindas.

Em especial para a minha, que é única no mundo! ❤

BEIJOS!

beijomae